‘Turma da Mônica: Lições’ passa de 500 mil espectadores e se torna maior lançamento nacional após reabertura dos cinemas

'Turma da Mônica: Lições' passa de 500 mil espectadores e se torna  maior lançamento nacional após reabertura dos cinemas thumbnail


Filme é uma das grandes apostas do cinema brasileiro para 2022, ao lado de ‘Eduardo e Mônica’. Em 2021, cinema nacional perdeu 90% do público e da renda. Jovem elenco de ‘Turma da Mônica: Lições’ fala sobre gravações e mudança de vida desde 1º
“Turma da Mônica: Lições” estreou em 30 de dezembro e levou, em 15 dias, 500 mil espectadores aos cinemas. Assim, o filme se tornou o maior lançamento nacional desde a reabertura dos cinemas. Ele está em cartaz em 700 salas.
Diretor Daniel Rezende fala sobre ‘Lições’
G1 já viu: ‘Lições’ comove ao amadurecer personagens e temas com sensibilidade
“Marighella”, filme brasileiro mais visto nos cinemas em 2021, teve 325 mil espectadores. E “Um Tio Quase Perfeito 2”, segundo da lista, teve 76 mil.
O cinema nacional teve um desempenho fraco nas salas no ano passado. Os filmes arrecadaram pouco mais de R$11 milhões, uma queda de mais de 90% em comparação aos R$ 142 milhões arrecadados em 2020.
‘Turma da Mônica – Lições’
Laura Rauseo, Kevin Vechiatto, Giulia Benite e Gabriel Moreira em cena de ‘Turma da Mônica: Lições’
Serendipity Inc/Divulgação
“Turma da Mônica: Lições” é a segunda adaptação com atores dos personagens dos quadrinhos de Mauricio de Sousa, sequência do sucesso “Laços” (2019).
Assim como o primeiro se baseava na graphic novel de mesmo nome lançada em 2013 pelos irmãos Lu e Vitor Cafaggi, “Lições” adapta a continuação da obra, de dois anos depois. Ambas parte da linha que entrega os personagens de Mauricio para outros autores, a Graphic MSP.
Se na primeira adaptação com atores dos quadrinhos Giulia Benite (Mônica), Kevin Vechiatto (Cebolinha), Gabriel Moreira (Cascão) e Laura Rauseo (Magali) ainda eram crianças, agora já estão claramente no início da adolescência.
Os atores tiveram de encarar uma história muito mais sentimental, que envolvia lágrimas e cenas emocionantes, como conta Benite, de 13 anos.
“Eu achei mais difícil porque pegou muito mais esse lado emotivo, emocional. De choro, principalmente da Mônica. Como atriz, tive muita dificuldade de fazer essas cenas.”
Daniel Rezende orienta Giulia Benite em gravação com Kevin Vechiatto, Gabriel Moreira e Laura Rauseo de ‘Turma da Mônica: Lições’
Serendipity Inc/Divulgação

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *