Saiba como será a nova e delicada cirurgia de Bolsonaro Featured

23 Jan 2019
10451 times

Bolsonaro colostomia

A foto é do presidente, no momento em que foi concluída a colocação da bolsa de colostomia.

Assim que retornar de Davos, quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro terá apenas três dias para despachar (sexta, sábado e domingo), porque na segunda-feira terá que se internar no Hospital Albert Einstein, São Paulo.

Ele será submetido a uma cirurgia, a terceira desde que foi ferido, de 1h30min (a cirurgia poderá durar até 5 horas, caso os médicos encontrem alguma complicação) para a retirada da bolsa de colostomia, com a qual está há cinco meses. Ele será submetido a anestesia geral. O intestino será isolado e será depois religado.

O presidente será tratado com antibióticos e remédios para dores, devendo obter alta num período que variará de 5 a 10 dias.  Durante a permanência no hospital, serão admitidas atividades leves, mas não despachos. Só depois de ir para casa é que poderá atuar como presidente.  O processo de cicatrização durará entre 3 a 6 meses.

A partir de segunda-feira e durante 10 dias, o general Mourão responderá pela presidência, mas Bolsonaro parece disposto a retomar as rédeas do governo no dia seguinte ao da cirurgia, despachando de dentro do hospital.

Rate this item
(0 votes)

4592 comments

Leave a comment

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.

Tela Noticia acima de tudo, representa jornalismo com seriedade em busca da verdade por trás dos fatos!

Lives Facebook

GALERIA FATO VERDADE