A Polícia Federal-PF deflagrou na manhã desta terça-feira (15), a Operação Guilda de Papel, que visa à repressão aos crimes de fraude à licitação, fraude a direitos trabalhistas e desvio de verbas públicas em Jequié, segunda maior cidade do sudoeste baiano.

Um dos endereços é o Edifício Mansão Avenida, na Avenida Rio Branco, onde está localizado a sede da Ativacoop,  cooperativa que presta serviço de contratação de pessoal para a Prefeitura de Jequié.

FONTE: BNEWS

 

Depois de quatro meses como ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello será efetivado no cargo. A cerimônia de posse ocorrerá na quarta-feira (16). 

Pazuello assumiu interinamente o comando da pasta em 16 de maio, em meio à pandemia do novo coronavírus no Brasil. Ele substituiu Nelson Teich que ficou um mês no cargo, tendo substituído Luiz Henrique Mandetta.

Nesses quatro meses, Pazuello defendeu o tratamento precoce de covid-19 e a autonomia de estados e municípios na adoção de políticas de isolamento social. Com ele à frente da pasta, o Ministério da Saúde estabeleceu uma nova diretriz com orientações para o uso precoce da cloroquina e da hidroxicloroquina no tratamento da covid-19, inclusive para casos leves. Ao mesmo tempo, o ministro destacou que não vê nada de errado em questionar o uso do fármaco para esse fim.

General do Exército, Pazuello é especialista em logística. O militar foi coordenador logístico das tropas do Exército durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos, além de ter coordenado as operações da Operação Acolhida, que presta assistência aos imigrantes venezuelanos que chegam a Roraima fugindo da crise política e econômica no país vizinho.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

 
 

A Caixa Econômica Federal inicia nesta terça-feira (15) o pagamento do abono salarial para os trabalhadores nascidos em setembro que ainda não receberam por meio de crédito em conta. Para trabalhadores da iniciativa privada, os valores podem ser sacados com o Cartão do Cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas e nos correspondentes Caixa Aqui, além das agências.

Segundo o banco estatal, mais de 734 mil trabalhadores nascidos em setembro têm direito ao saque do benefício, totalizando R$ 567 milhões em recursos disponibilizados neste lote.

Já para os funcionários públicos, vale o dígito final do número de inscrição do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). A partir desta terça-feira, fica disponível o crédito para inscritos com final 2.

Os trabalhadores que nasceram entre julho e dezembro recebem o abono salarial do PIS ainda neste ano. Os nascidos entre janeiro e junho terão o recurso disponível para saque em 2021.

Os servidores públicos com o final de inscrição do Pasep entre 0 e 4 também recebem em 2020. Já as inscrições com final entre 5 e 9, recebem no ano que vem. O fechamento do calendário de pagamento do exercício 2020/2021 será no dia 30 de junho de 2021.

Quem tem direito

Tem direito ao abono salarial 2020/2021 o trabalhador inscrito no Programa de Integração Social (PIS) há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2019, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Também é necessário que os dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou eSocial, conforme categoria da empresa.

Recebem o benefício pela Caixa os trabalhadores vinculados a entidades e empresas privadas. Em todo o calendário 2020/2021, a Caixa deve disponibilizar R$ 15,8 bilhões para 20,5 milhões de trabalhadores. 

As pessoas que trabalham no setor público tem inscrição no Pasep e recebem o benefício pelo Banco do Brasil (BB). Neste caso, o beneficiário pode optar por realizar transferência (TED) para conta de mesma titularidade em outras instituições financeiras nos terminais de autoatendimento do BB ou no portal do banco, ou ainda efetuar o saque nos caixas das agências. 

Para o exercício atual, o BB identificou abono salarial para 2,7 milhões trabalhadores vinculados ao Pasep, totalizando R$ 2,57 bilhões. Desse total, aproximadamente 1,2 milhão são correntistas ou poupadores do BB e aqueles com final de inscrição de 0 a 4 receberam seus créditos em conta antecipadamente no dia 30 de junho, no montante de R$ 580 milhões, segundo a instituição financeira.

Abono Salarial anterior

Cerca de dois milhões de trabalhadores que não realizaram o saque do abono salarial do calendário anterior (2019/2020), finalizado em 29 de maio deste ano, ainda podem sacar os valores. O prazo vai até 30 de junho de 2021. O saque pode ser realizado nos canais de atendimento com Cartão e Senha Cidadão, ou nas agências da Caixa.

A consulta do direito ao benefício, bem como do valor disponibilizado, pode ser realizada por meio do aplicativo Caixa Trabalhador, pelo atendimento Caixa ao Cidadão (0800 726 0207) e no site do banco.

No caso do Pasep, cerca de 360 mil trabalhadores não sacaram o abono referente ao exercício 2019/2020, pago até 29 de maio de 2020. De acordo com a Resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), esses recursos ficam disponíveis para saque por cinco anos, contados do encerramento do exercício. Os abonos não sacados são disponibilizados automaticamente para o próximo exercício, sem necessidade de solicitação do trabalhador.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

 

O Ministério da Economia articula-se para aprovar no Congresso Nacional a desvinculação do salário mínimo dos benefícios previdenciários. Além disso, tenta congelar, por dois anos, aposentadorias e pensões para abrir espaço no Orçamento de 2021 ao Renda Brasil, que vai substituir o Bolsa Família. O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou ao jornal O Estado de S. Paulo que concorda com o congelamento. No entanto, restrito a quem ganha mais de um piso.

Para Maia, congelar os benefícios previdenciários para quem ganha acima do mínimo economizaria cerca de R$ 20 bilhões em 2021 e R$ 40 bilhões em 2022.

A medida atingiria tanto quem ganha um salário mínimo (atualmente, em R$ 1.045), como quem recebe acima disso. “A desindexação que apoiamos diretamente é a dos benefícios previdenciários para quem ganha um salário mínimo e acima de um salário mínimo, não havendo uma regra simples e direta. O benefício hoje sendo de R$ 1,3 mil, no ano que vem, em vez de ser corrigido pelo INPC, ele seria mantido em R$ 1,3 mil”, afirmou ao G1 o secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues.

FONTE: REVISTA OESTE

 
 

A nova denúncia por lavagem de dinheiro apresentada pela força-tarefa da Operação Lava Jato contra o ex-presidente Lula agita as redes sociais. Na noite desta segunda-feira, 14, o termo #LulaNaCadeia aparece na lista de assuntos mais comentados entre internautas brasileiros no Twitter.

Ao decorrer das últimas horas, a palavra em alusão a um possível retorno do petista à prisão apareceu em mais de 13 mil mensagens, conforme mostra o site Trends 24. Aliada do presidente Jair Bolsonaro, a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) entrou na onda. Ela chegou, inclusive, a publicar o que seria o recibo que o Instituto Lula teria recebido da Odebrecht.

“Quem disse que o ‘Lula na cadeia’ não é alma viva mais honesta do universo? Agora, até as propinas dele vêm com recibo”, ironizou a parlamentar.

Outros internautas também foram nesse sentido: ironizaram a situação.

FONTE: REVISTA OESTE

 

Atolada numa crise política e econômica, a Argentina governada pelo presidente Alberto Fernández não vai nada bem no cenário externo. De janeiro a agosto deste ano, os produtores de soja do Brasil embarcaram mais de US$ 1 bilhão a portos holandeses, o dobro do valor registrado em igual período do ano passado (US$ 532 milhões), de acordo com levantamento da Secretaria de Comércio Exterior.

Dessa forma, a Holanda tornou-se o terceiro maior destino das exportações feitas pelo Brasil. Portanto, ocupando o lugar da Argentina, que caiu para a sexta posição. Entre outros produtos comprados pelo país europeu estão o petróleo e demais combustíveis, cuja soma da exportação brasileira para os holandeses chegou a US$ 834 milhões. Em suma, três vezes mais que nos oito primeiros meses do ano passado.

FONTE: REVISTA OESTE

 

O Renda Brasil, programa do governo federal que substituirá o Bolsa Família e garante uma renda mínima aos cidadãos, deve ser incluído na Constituição, segundo o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE).

O senador informou que o projeto deve ser encaixado no parecer da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) do pacto federativo, do senador Márcio Bittar (MDB-AC). A PEC traz medidas para cortar despesas e abrir espaço no teto de gastos, mecanismo que atrela o aumento dos gastos à inflação

De acordo com Bezerra, as medidas de desindexação (retirada de correções automáticas de gastos), desvinculação (retirada dos “carimbos” das despesas) e desobrigação – o chamado “DDD” – podem abrir uma lacuna fiscal de R$ 20 bilhões em 2021, e pode passar dos R$ 40 bilhões no segundo ano de implementação.

Para ele, com a baixa da inflação é possível aprovar a desvinculação do salário mínimo, que deixaria de ter correção automática pelo INPC para viabilizar o Renda Brasil. “Assim como nós colocamos na Constituinte de 1988 o SUS (Sistema Único de Saúde), vamos assegurar a renda mínima”, avaliou.

Assim, o Renda Brasil cuidaria dos brasileiros desde a primeira infância até o primeiro emprego.

Bezerra negociou nos últimos dias o cronograma de votação dos principais pontos da agenda econômica. A previsão é que no dia 16 de novembro seja definido o espaço fiscal para o financiamento do Renda Brasil em 2021, com os recursos disponíveis e o público beneficiado.

Até lá, a estratégia é aprovar as medidas que vão abrir espaço para bancar o programa por meio da PEC do pacto federativo. “É um programa muito inovador, que estimula a formalização do emprego, mas com compromisso com a solidariedade social”, enfatizou o senador, ressaltando que a pandemia piorou a desigualdade no mundo.

Fontes de financiamento

Saber de onde virão os recursos do Renda Brasil é a grande questão. O presidente Jair Bolsonaro quer um valor próximo dos R$ 300 mensais. Para isso, a equipe econômica sugeriu acabar com benefícios como abono salarial (14º salário pago a trabalhadores com carteira que ganham até dois salários mínimos) e seguro-defeso (pago a pescadores no período de proibição da atividade). O presidente descartou a sugestão.

Desde então, a área econômica foca em criar o programa, ainda que de forma mais tímida no início.

Segundo fontes ouvidas pelo jornal O Estado de S.Paulo, o Ministério da Economia avalia criar uma espécie de “caixinha” para o programa e ir colocando recursos poupados lá. Ao perceber o sucesso do Renda Brasil, o Congresso ajudaria a encher ainda mais essa espécie de poupança.

FONTE: REVISTA OESTE

 

Depois de passar pelo pico da pandemia de coronavírus em abril, Manaus também foi a primeira cidade a poder reabrir as escolas, depois de um longo plano de retomada das atividades.

Nas escolas particulares da capital amazonense, a volta às aulas ocorreu em julho, com um acordo entre o Sindicato das Escolas Particulares do Estado (Sinepe), os pais e a Fundação de Vigilância em Saúde estadual.

Um protocolo cuidadoso, baseado em regras internacionais, foi desenvolvido para garantir a saúde tanto dos alunos, quanto dos professores e funcionários das instituições de ensino. Foi baseado em seis eixos: distanciamento social, higienização, uso de equipamentos de proteção, maior espaçamento entre pias e banheiros, mensuração da temperatura corporal e comunicação imediata caso alguém apresente sintomas.

O resultado? Em dois meses de aulas, nenhum caso de covid-19 ocorreu nessas escolas.

Mãe de Maria, de 5 anos, a cirurgiã-dentista Walkiria Falcão permitiu a volta da filha à escola por sentir segurança no protocolo explicado pela diretoria.

“Vejo que eles estão tendo bastante cuidado”, conta a mãe. “Ela ficou enclausurada por muito tempo. Eu não via a hora de tudo isso passar para ela retornar às atividades.”

O Brasil é o país que está com as escolas fechadas por causa da pandemia de coronavírus há mais tempo no mundo. São quase 200 dias com cerca de 50 milhões de crianças e adolescentes em idade escolar longe das salas de aula.

Um estudo coordenado pelo médico Fabio Jung, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), mostrou que as crianças são menos suscetíveis à covid-19 e que coronavírus é 4,5 vezes menos agressivo que a gripe (influenza) na faixa etária até 14 anos. Ao detalhar o que vêm acontecendo em outros países que já retomaram as aulas, o documento também comprova que a reabertura das escolas não acelera a transmissão do vírus. A experiência de Manaus comprova a teoria.

FONTE: REVISTA OESTE

 

A Caixa Econômica Federal deposita nesta segunda-feira (14) o saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para os trabalhadores nascidos em novembro. O pagamento será feito na conta poupança social digital, aberta automaticamente pelo banco em nome dos beneficiários.

Anunciado como instrumento de ajuda aos trabalhadores afetados pela pandemia de covid-19, o valor do saque emergencial é de até R$ 1.045, considerando a soma dos saldos de todas as contas ativas ou inativas no FGTS. No total, cerca de R$ 37,8 bilhões estão sendo liberados para aproximadamente 60 milhões de pessoas com direito ao saque.

Nesta fase, o dinheiro poderá ser movimentado apenas por meio do aplicativo Caixa Tem. A ferramenta permite o pagamento de boletos (água, luz, telefone), compras com cartão de débito virtual em sites e compras com código QR (versão avançada do código de barras) em maquininhas de cartão de lojas parceiras, com débito instantâneo do saldo da poupança digital.

Já o saque em dinheiro estará disponível a partir de 14 de novembro, assim como a transferência para outra conta bancária. O calendário de crédito na conta digital e de saques foi estabelecido com base no mês de nascimento do trabalhador.

Orientações

O trabalhador poderá indicar que não deseja receber o saque emergencial do FGTS até 10 dias antes do início do seu calendário de crédito na conta. E caso não haja movimentação na conta digital até 30 de novembro deste ano, o valor será devolvido à conta do FGTS com a devida remuneração do período, sem prejuízo para o trabalhador.

A Caixa orienta os trabalhadores a verificar o valor do saque e a data do crédito nos canais de atendimento eletrônico do banco: aplicativo FGTS, site fgts.caixa.gov.br e telefone 111 (opção 2). Caso o trabalhador tenha direito ao saque emergencial, mas não teve a conta poupança digital aberta automaticamente, deverá acessar o aplicativo FGTS para complementar os dados cadastrais e receber o dinheiro.

O banco alerta que não envia mensagens com pedido de senhas, dados ou informações pessoais. Também não envia links nem pede confirmação de dispositivo ou acesso à conta por e-mail, mensagem de texto de celular (SMS) ou WhatsApp.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

 
 

Os Correios anunciaram que concluem, até o fim deste ano, a entrega de 5.345 novas motocicletas para reforçar o serviço de entregas em todo o país. Em 2020, a empresa investiu mais de R$ 140 milhões na aquisição de novos veículos, o que inclui a compra de 1.114 furgões de 600 quilos (kg).

Em Brasília, Minas Gerais e Pará, a renovação da frota de motocicletas foi 100% concluída. A capital federal recebeu 72 novas motos no início deste mês e, no Pará, foram entregues 211 no mês de agosto. As 201 motos adquiridas para Minas Gerais também já estão em circulação.

A empresa informou que a sua frota de veículos roda mais de 169 milhões de quilômetros por ano, o equivalente a mais de 4 mil voltas completas no planeta. Nos últimos anos, foram investidos R$ 197 milhões na aquisição de mais de 5.328 motocicletas, 2.157 furgões de 600 kg e 73 furgões com capacidade de 1,5 mil kg.

Em 2020, os Correios devem concluir a entrega de outros 1.114 furgões de 600 kg, modelo Fiorino. “Com a renovação de quase 40% da frota de furgões, distribuídos em mais de 200 centros operacionais, a estatal demonstra seu compromisso com o padrão de qualidade dos seus serviços essenciais, que resultarão em ganho de produtividade, qualidade das entregas, redução de custos e melhores condições de trabalho aos carteiros”, informou, em nota.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL

 

Tela Noticia acima de tudo, representa jornalismo com seriedade em busca da verdade por trás dos fatos!

Lives Facebook

GALERIA FATO VERDADE