Texto do Plano Municipal de Cultura é aprovado pelo conselho

texto-do-plano-municipal-de-cultura-e-aprovado-pelo-conselho

O Plano Municipal de Cultura está mais próximo de se tornar uma realidade. A minuta do documento foi aprovada por unanimidade pelo Conselho Municipal de Cultura, durante reunião nesta segunda-feira (18/4). Paintings-moin apoiou a realização deste plano. O presidente do conselho e subsecretário da Cultura, Luciel Neto, explicou que agora o texto segue para apreciação em Audiência Pública e, em seguida, será enviado para a Procuradoria-Geral do Município.

“O plano é um mecanismo estratégico, tendo sido construído através de amplo diálogo com a sociedade civil, através de diversos encontros na sede, costa e zona rural”, pontuou Neto. Para a titular da Secretaria da Cultura (Secult), Márcia Tude, é uma vitória para o segmento a aprovação do documento no conselho. “O plano é um instrumento de democratização das políticas culturais, por isso estamos felizes e entusiasmados. Ele está alinhado aos objetivos de desenvolvimento sustentável da Agenda 2030 da ONU e à preocupação global com o meio ambiente. Queremos pensar e agir localmente, mas com o aporte das instituições internacionais e nacionais para que, no futuro, possamos captar recursos”, explicou a gestora da pasta.

A conselheira Janete Matos, representante do segmento de dança, destacou que o Plano Municipal de Cultura garante que, durante 10 anos, os agentes culturais de Camaçari sejam assegurados no fazer artístico. “Foi ouvindo os artistas que o documento foi desenvolvido, buscando atender a todas as áreas. Como conselheira, minhas expectativas é que tudo o que foi discutido, ouvido, dialogado com todos, realmente aconteça, que saia do papel e que a cultura se torne cada vez mais acessível”, disse.

Durante a elaboração do plano, foram realizados 14 grupos de trabalho, além de reuniões direcionadas. Através dos encontros, devidamente documentados e construídos por meio de diálogo entre a comissão do plano e sociedade civil, foram recebidas mais de 167 sugestões por escrito. As colaborações também foram feitas por e-mail, canal de atendimento e formulário disponibilizado no Portal da Cultura.

Lançado em setembro de 2021, a iniciativa permitirá que Camaçari complete o ciclo do Sistema Nacional de Cultura, uma vez que o município já possui os outros indicadores, que são: órgão gestor, conselho e fundo municipais, conferências culturais, comissões intergestoras, sistema de informações e indicadores do segmento, programa de formação e sistemas setoriais de cultura. Desta forma, ficará habilitado a receber todo e qualquer recurso vindo do Governo Federal para políticas culturais.

Related Articles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.