Vereador questiona apreensão dos ‘Paredões’ em Feira: “fazem parte da cultura feirense”

vereador-questiona-apreensao-dos-‘paredoes’-em-feira:-“fazem-parte-da-cultura-feirense”

Se, por um lado, precisamos garantir o direito ao silêncio dos cidadãos, também precisamos reconhecer que estes aparelhos estão inseridos na cultura feirense, além de serem usados, muitas vezes, como forma de trabalho”, ponderou o vereador Pedro Américo (UniãoBrasil) ao falar sobre as apreensões de som feitas em Feira de Santana pela Prefeitura Municipal.

O vereador mostrou-se surpreendido com a notícia da última terça-feira, 08, sobre a viatura da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) ter sido danificada após uma operação para apreensão de sons na ação do “Feira Quer Silêncio”. Pedro defende, desde o início do seu mandato, que se encontre uma solução para a questão dos “paredões” em Feira de Santana.

Apesar de condenar o fato ocorrido, entendo que precisamos achar uma solução positiva para todos. A mera apreensão irrestrita não solucionará esse problema”, afirma o edil.

Pedro Américo apresentou um requerimento na Câmara de Vereadores questionando a competência do Município nessas apreensões, de forma a se discutir sobre uma solução benéfica para todos. “Projetos que buscam saídas fáceis para esta questão não contribuem com o debate e apenas ludibriam os cidadãos com falsas soluções”, finaliza o vereador.

Related Articles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.