Lajedinho, Márcio Punk e as transformações da Marechal

lajedinho,-marcio-punk-e-as-transformacoes-da-marechal

O historiador feirense Antonio de Lajedinho, conheceu já em ruínas um estádio de futebol na rua Marechal Deodoro, que então se chamava rua Manoel Vitorino. Lajedinho morreu no mês passado com quase 100 anos de idade e lucidez.

 “O seu nome era Estádio Leolindo Ramos e ocupava todo o último quarteirão da Rua Manoel Vitorino (hoje Marechal Deodoro). No norte limitava com o muro da residência de Tertuliano Almeida”, escreve Lajedinho no blog A Feira Antiga  que manteve na ativa de 2010 até morrer.

A Marechal, a Maré (como a chamava o artista Márcio Punk que tinha um atelier de tatuagem num dos prédios da rua)  é uma das  mais antigas e centrais de Feira de Santana.

A foto é de 2017.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *